Um Rafale DH lidera outros dois Rafale EH, sobrevoando a Base Aérea de Hasimara. Foto: IAF/Divulgação.

A Força Aérea Indiana (IAF) formou mais um esquadrão equipado com o caça de geração 4.5 francês Dassault Rafale. Em cerimônia realizada na última quarta-feira (28), o No. 101 Squadron, Falcons, recebeu os três primeiros Rafales na Base Aérea de Hasimara, área de responsabilidade do Comando Aéreo Oriental (EAC). 

A solenidade foi presidida pelo Marechal do Ar RKS Bhaudaria, Chefe do Estado-Maior da IAF, que foi recebido pelo Marechal do Ar Amit Dev, Comandante do EAC. No evento, as aeronaves, um Rafale DH biposto e dois Rafales EH monopostos, sobrevoaram a base aérea e, posteriormente, receberam o tradicional batismo de água. 

Relembrando a gloriosa história do Esquadrão 101, que lhes conferiu o nome de ‘Falcões de Chamb e Akhnoor’, o Marechal Bhaudaria instou os membros da unidade a combinar seu zelo e compromisso com o potencial incomparável da plataforma recém-empossada. Ele disse que não tinha dúvidas de que o Esquadrão dominaria quando e onde fosse necessário e garantiria que o adversário sempre fosse intimidado por sua presença.

Bhaudaria também disse que a introdução do Rafale na base de Hasimara foi cuidadosamente planejada, tendo em mente a importância de fortalecer a capacidade da IAF no setor oriental.

O Esquadrão 101 foi originalmente formado em 1949 como uma unidade de reconhecimento e ao longo de sua história operou o North American T-6G Harvard, Supermarine Spitfire, de Havilland Vampire, Sukhoi Su-7 Fitter e o MiG-21M Fishbed, até ser desativado em 2011. A unidade foi oficialmente reativada em junho deste ano e agora recebe o Rafale, um dos caças mais modernos em serviço na Índia. 

Veja mais: pilotos de Rafale da França terão capacetes com display integrado

Em setembro de 2019 a Índia formou seu primeiro esquadrão de Rafales, o No.17 Squadron, Golden Arrows. A unidade tem como sede a Base Aérea de Ambala, na província de Punjab, aponta o The Indian Express. Os Golden Arrows voaram com o T-6G, Vampire, Hunter, e MiG-21. 

Atualmente o Rafale está em serviço na França, Índia, Egito, Catar e foi recentemente escolhido pela Croácia para substituir seus MiG-21. A Grécia, que oficializou a aquisição de 18 caças em janeiro, recebeu seu primeiro Rafale na semana passada

DEIXE UMA RESPOSTA